HTML Component - Base Container

HTML Component - Hide JackRabbit

This site uses cookies. Some are essential while others improve your browsing experience and allow us to advertise. For more info visit the privacy policy page.

Allow inessential cookies for:

Dina preferenser har uppdaterats

View of the Dos Playa beach in Aruba

Eu preciso da vacina contra a febre amarela?

Perguntas frequentes sobre a vacina contra a febre amarela para os viajantes de Aruba.

Quem precisa ser vacinado?

Os viajantes de:

Caribe

Trinidad y Tobago

América do Sul

Bolivia
Brasil
Guyana
Colombia
Equador
Guiana Francesa
Panamá
Paraguai
Peru
Surinami
Trinidade e Tabago
Venezuela

A partir de primeiro de fevereiro de 2019 e até novo aviso, o Departamento de Saúde Pública de Aruba liberou temporariamente a Argentina do requisito de entrada  da vacina contra a febre amarela, dado que a vacina contra a febre amarela é escassa ou não está disponível na Argentina e levando em consideração o baixo risco de transmissão da febre amarela em comparação com os demais países da América Latina

África

Angola
Benin 
Burkina Faso
Burundi
Camarões
República Centro-Africana
Chade
Congo
República Democrática do Congo
Costa do Marfim
Guiné Equatorial
Etiópia
Gabão
Gambia
Gana
Guiné
Guiné Bissau
Quênia
Liberia
Mali
Mauritânia
Níger
Nigeria
Senegal
Serra Leoa
Sudão do Sul
Sudão
Togo
Uganda

Por que se aplica a medida?

Por sugestão e diretrizes da Organização Mundial de Saúde (OMS) e do Regulamento Sanitário Internacional, o Ministério da Saúde de Aruba fará cumprir uma nova política que exige a todos os viajantes de um grupo pequeno de países que disponham de documento de vacinação contra febre amarela a partir de 1º de março de 2018, com o objetivo de evitar a importação da febre amarela para Aruba. Este documento deverá consistir em um Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxias (ICVP). O pequeno grupo mencionado anteriormente está formado pelos seguintes países: 

Vale ressaltar que esta medida não se aplica aos viajantes provenientes do Chile e Uruguai, países que atualmente não tem um alto risco de transmissão da febre amarela.  

PERGUNTAS FREQUENTES

Quando é necessário renovar ou tomar a vacina?

-    Para efeitos de validação, o viajante deve tomar a vacina ao menos 10 dias antes da partida, ou seja, deve tomar a vacina ao menos 10 dias antes de entrar no território de Aruba.
-    Se o viajante, vacinado previamente, ainda possui o documento de vacinação contra a febre amarela (ICVP), não há necessita renovação.
-    Se o viajante perdeu o certificado deve tomar a vacina novamente. Isto não implica nenhum risco adicional e efeitos secundários.  
-    
Quando e onde apresentar o documento de vacinação?

-    Apresente o documento (ICVP) com a certificação contra a febre amarela aos funcionários da Imigração que atendam o Departamento de Imigração, Segurança e Alarme de Aruba (IASA), antes de entrar em Aruba.

Existe alguma exceção a este requisito?

Sim, as exceções são as seguintes:

-    Os passageiros que estiveram em países de risco e estão em trânsito por Aruba. Isto também inclui os que precisam sair e voltar a entrar no aeroporto e nos cruzeiros em menos de 24 horas. 
-    Passageiros a caminho de Aruba que estiveram em trânsito menos de 12 horas por países de risco (em aeroportos ou portos marítimos).
-    Passageiros que, estiveram em países considerados de risco, antes de entrar em Aruba, e permaneceram durante um período de pelo menos 6 dias e não desenvolveram a febre durante este período.  
-    Crianças menores de 9 meses de idade.
-    Pessoas de 60 anos ou mais.

Outras exceções (médicas) a este requisito são:

-    Indivíduos com imunidade comprometida: Infecção sintomática de HIV ou AIDS, neoplasias malignas, enfermidades de imunodeficiência primária, transplantes, terapia imunossupressora ou imunomoduladora, radioterapia.
-    Pessoas com transtorno do timo.
-    Pessoas com antecedentes de reação de hipersensibilidade aguda a qualquer componente da vacina (incluída a gelatina, os ovos, os produtos de ovos ou a proteína do frango) 
-    Se o passageiro tem alguma das contraindicações médicas mencionadas anteriormente para a vacinação contra a febre amarela, é permitido um atestado médico atualizado no lugar de administrar a vacina. 
-    
Se venho em um Cruzeiro ou em voo de conexão através de Aruba, tenho que apresentar o documento de vacinação contra a febre amarela?

-    Se você estiver em voo de conexão ou em um cruzeiro e ficará na ilha menos de 24 horas, não é necessário apresentar o documento de vacinação. 
-    
Quando entra em vigor o regulamento?

-    O regulamentação que exige o documento de vacinação contra a febre amarela entrou em vigor em 1º de março de 2018 e está válido para todos os passageiros que viagem dos países mencionados.  

Esta medida afeta a tripulação da cabine e a gestão do voo em trânsito/tempo de descanso da tripulação/visitas nas estações?

-    Em trânsito (passando por qualquer dos países mencionados ou Aruba), NÃO é requerida nenhuma vacina.
-    Tempo de descanso da tripulação e visitas as estações: SIM. Salvo os que estiveram em países considerados de risco, antes de entrar em Aruba, permaneceram durante um período de ao menos 6 dias e não desenvolveram a febre durante este período.  

Esta medida afeta os passageiros latinos ou africanos que vivem na Europa ou Estados Unidos e viajam para Aruba?

-    Se nasceram em zonas classificadas de alto risco de transmissão da febre amarela, mas vivem na Europa ou Estados Unidos e viajam para Aruba, não é necessário tomar a vacina ou apresentar documento de vacinação. 
-    Se moram na Europa ou Estados Unidos e viajam para Aruba a partir de países considerados de alto risco, sim necessitam apresentar o documento de vacinação contra a febre amarela, com exceção aos casos mencionados nas exceções anteriores. 
É necessário que as mulheres grávidas ou lactantes tomem a vacina contra a febre amarela?

-    As mulheres grávidas ou em período de amamentação devem consultar seu médico e se caso não seja recomendada a vacinação devem entregar um atestado em papel timbrado e carimbo oficial com CRM. 
Importante destacar para companhias aéreas e cruzeiros:

-    As mesmas regras aplicadas aos passageiros também se aplicam a tripulação de cabine e gerenciamento do voo. 
-    Independentemente destes requisitos, é recomendado que todos os membros da tripulação tomem a vacina contra a febre amarela se viajarem com frequência a países considerados de risco. 
-    Todos os detalhes relativos as exceções a este requisito (incluindo os pontos mencionados anteriormente estarão incluídos no TIMATIC.


Pose interessar: 

Requisitos para viajar para Aruba
Planeje sua visita para Aruba
Como se locomover em Aruba